sábado, 6 de fevereiro de 2016

Fernando Gabeira visita Bita do Barão em Codó para a Globo News


Documentário sobre a história do disco Bandeira de Aço


 Documentário sobre a história do disco Bandeira de Aço está disponível no YouTube

  •  
  •  
O documentário tem roteiro e direção de Celso Borges. O disco foi gravado por Papete, em 1978, pela Discos Marcus Pereira.




Momento emblemático do show tributo Bandeira de Aço -  35 anos, no Teatro Artur Azevedo.
Momento emblemático do show tributo Bandeira de Aço - 35 anos, no Teatro Artur Azevedo. (Foto: Arquivo)
No dia 28 de maio de 2013, no Teatro Artur Azevedo, o projeto BR-135, idealizado pelo Criolina [leia-se Alê Muniz e Luciana Simões], reverenciou os 35 anos do CD "Bandeira de Aço", gravado por Papete, em 1978, pela Discos Marcus Pereira. Finalmente, o documentário no YouTube.
O filme fez um passeio pela linha do tempo dos compositores Sérgio Habibe, Josias Sobrinho, Ronaldo Mota, César Teixeira e suas músicas, da cena musical ludovicense produzida no fim dos anos 1970 e da importância dela no cenário maranhense da época, em que o Laborarte, o bairro da Madre Deus, a catuaba do Diquinho, as viagens para Alcântara, os bares existentes na periferia e Centro Histórico de São Luís, serviram de apoio para que surgisse um movimento de artes integradas à base de autenticidade, frescor, poesia, lirismo, boêmia, uma curtição sem vaidade, cujo o tempo jamais vai apagar.
Legado
O mais interessante no documentário apresentado com roteiro e direção de Celso Borges, coedição de Beto Pio, Alex Soares e Amanda Simões, assinando a produção do vídeo-cenário, participações de Maristela Sena e Andréa Oliveira, foi o de desmistificar o imbróglio que envolveu a produção do “Bandeira de Aço”, com o depoimento dos cinco protagonistas dessa novela.
O desfecho foi que todo mundo saiu convencido de que o maior beneficiado nessa polêmica, envolvendo direitos autorais, foi o disco, lançado em 1978, em formato de Long- Play (LP). Um trabalho concebido em pleno regime da ditadura militar no Brasil, feito por uma’rapaziada’ que tinha a certeza que estava construindo uma musicalidade consistente, capaz de emocionar ao produtor Marcus Pereira, ao ouvir cada faixa em fita-cassete apresentada a ele por Papete. E no fim da audição, ele conceituar aquela sonoridade, produzida lá pelos anos 70, como algo que ‘representava a alma do povo brasileiro’. Daí, nasceu o “Bandeira de Aço”, um legado que está presente na vida de quem faz música agora. Assista o documentário...


sexta-feira, 5 de fevereiro de 2016

São Luís terá UBER ainda este ano


Uber - São Luís está incluída entre as cidades em que a Uber será instalada em 2016, como se pode deduzir na leitura da entrevista concedida por Andrew MacDonald, gerente geral regional da empresa para região central dos Estados Unidos, Canadá e América Latina, ao jornalista Fernando Rodrigues, publicada no UOL nesta quinta-feira (04). Segundo o executivo até o final do ano serão contratados até 50 mil motoristas e o serviço estará disponível em todas as cidades do Norte e Nordeste com mais de 1 milhão de habitantes

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

Maranhense brilha na passarela da Givenchy


1comentário
David Martins no desfile masculino da Givenchy (Foto/reprodução: Instagram)
David Martins trocou o frio de Nova York pelo de Paris na última semana; e o motivo, foi dos mais entusiasmantes para a sua carreira.
O modelo maranhense integrou o time que desfilou para a Givenchy, em sua coleção outono-inverno 2016, que foi uma das mais aplaudidas de moda masculina desta temporada da semana de moda francesa.
Depois de Milão, agora, pelo visto, chegou a hora de David Martins conquistar Paris. O blog, claro, na torcida!

domingo, 31 de janeiro de 2016

Startup de São Luís vence concurso da revista PEGN, em São Paulo


A Infortask foi eleita a melhor por apresentar “modelo de negócios consistente".

Foto: Marcia Minillo
SÃO LUÍS – Uma empresa maranhense foi considerada a mais promissora entre cinco que participaram do "Conte sua história para a PEGN", realizado pela revista Pequenas Empresas & Grandes Negócios, na Campus Party, em São Paulo, nesse sábado (30). O concurso é uma oportunidade de empreendedores apresentares ideias inovadoras aos editores da PEGN.
A startup Infortask é de São Luís e foi eleita a melhor por apresentar um “modelo de negócios consistente e clientes que usam a plataforma”, segundo o site da revista. A empresa consiste em um sistema de gestão de atividades para micro e pequenos negócios. Ela busca elevar o nível de produtividade do corpo da empresa.
Após cinco minutos explicando o problema que a ideia procura resolver, qual o público-alvo e o investimento, Rômulo Martins, criador da Infortask, ganhou um cardboard, uma estrutura que transforma o celular em óculos de realidade virtual.
Startup, segundo o Sebrae, é um grupo à procura de um modelo de negócios repetível e escalável, trabalhando em condições de extrema incerteza.

sábado, 30 de janeiro de 2016

Apesar dos governantes, carnaval do Maranhão mostra sua força

Programação do pré-carnaval em São Luís termina neste final de semana

Do samba ao pagode, axé, afoxé, e forró, o que vale é cair na folia. Confira o que haverá neste final de semana magro de carnaval

CARNAVAL 2016
29/01/2016 - 11h09
Patricia Cunha
Selo de Carnaval
O último final de semana antes do período momesco em São Luís está cheio de atrações para todos os gostos, bolsos e disposição. De sexta-feira a domingo por toda a cidade, basta escolher a festa, colocar a máscara da alegria e se divertir com grupos, banda e artistas locais e nacionais. Do samba ao pagode, axé, afoxé, e forró, o que vale é cair na folia. Confira o que haverá neste final de semana magro de carnaval, a última prévia de 2016.
bateria da favela no bloco da imprensa
Contra a corrupção
Neste sábado, 30, a partir das 18h, acontecerá a última concentração do Bloco da Imprensa e com uma novidade: um concurso de fantasias que premiará os três primeiros lugares com troféus. “Para isso estamos convidando os artistas, a comunidade em geral para capricharem na fantasia que podem ser inspiradas no tema: ‘Quadrilha não! É carnaval! Basta de Corrupção’, ou tema livre”, afirma Célio Sérgio, da Comissão Organizadora do Bloco, que resolveu abrir espaço para preencher a lacuna deixada pela não realização do Baile dos Artistas.
A festa é na Praça dos Catraieiros (em frente ao Bar do Porto, na Praia Grande) e terá animação da Banda Bandida, Bateria da Favela do Samba, Bloco Tradicional Os Tremendões, Grupo Lamparina e Banda Pirata da Ilha.
 
Na Madre Deus
A Máquina de Descascar’alho realiza este ano o pré-carnaval da Madre Deus com uma grande estrutura, conforto e segurança para os brincantes. Nos dias 30 e 31, passarão pelo Largo do Caroçudo os grupos Apoteose, Bloco Não Enxiriza Malandro e Todimais (sábado); e o Tambor de Crioula Raízes da Madre Deus, Banda Afro Akomabu e finalizando com a Máquina, no domingo. “Essa comunidade é muito festeira, então resolvemos com apoio da Antarctica, através da Lei de Incentivo à Cultura Estadual, promover a primeira edição do pré-carnaval da Madre Deus e tem sido um sucesso”, opina Silvério Boscotô, da Máquina de Descascar’alho.
O Dono do Sucesso
O sambista mineiro Toninho Geraes está de volta à São Luís, na Casa das Dunas, a partir das 22h com o show O Dono do Sucesso. O evento a Grande Roda de Samba, que terá ainda o grupo Feijoada Completa, será nesta hoje e abre as comemorações pelo centenário do samba em São Luís, com produção de Mário Moraes. Os ingressos estão a venda no site do Amo Ingresso, que tem a menor taxa de conveniência do estado, 7,5%.
Forró Sacode no Bloco da Skol
A última prévia do Bloco da Skol será neste sábado, 30, no Círculo Militar e traz uma festa com Forró Sacode, Banda Zero Hum, Bicho Terra, banda Levada do Teco e muita música eletrônica com o DJ Paulo Pringles.
O Forró Sacode foi criado em 2001, no Ceará, pelo cantor Tony Guerra, que, após oito anos de carreira apresentando-se como vocalista de diferentes grupos, decidiu criar uma banda que pudesse apresentar um estilo diferente de tocar forró. Para divulgar seu trabalho, a banda gravou um CD de divulgação com quatro músicas. Informações por meio do telefone (98) 98155-9040.
Aurora das Dunas
O encerramento do pré-carnaval do Bloco Aurora das Dunas terá o grupo Falamansa, além dos baianos Reinaldinho (ex-Terra Samba) e Ninha (ex-Timbalada), neste sábado 30, na Casa das Dunas, a partir das 17h.
O Bloco promete uma mistura entre o forró e o axé, relembrando sucessos que marcaram época nos dois gêneros musicais. Atualmente com 18 anos de carreira, o Falamansa coleciona 10 discos lançados, entre trabalhos inéditos, coletâneas e gravações ao vivo. O último CD Amigo Velho (2014), é uma evidência do amadurecimento do grupo, misturando folk, country, punk cigano e até o funk pancadão, mas sem perder de vista o inconfundível denominador comum da banda: o forró pé-de-serra. Informações: 3227-8695.
A Bandida se concentrou na praça e em seguida arrastou centenas de foliões pelas ruas do Centro Histórico levando a sua musa
Carnaval de Todos
O Governo do Maranhão e a Prefeitura de São Luís preparam um dia inteiro de programação para a última prévia do Carnaval de Todos que acontece neste sábado,30, no Centro Histórico, com início previsto para 11h da manhã.
As atrações contemplam a diversidade cultural maranhense e divertindo todos os tipos de foliões. As brincadeiras se apresentam nos circuitos das Praças Nauro Machado e da Faustina, Casa do Maranhão, Canto da Cultura (Rua da Estrela com a Rua Portugal) e ruas do Centro Histórico, neste sábado (30), sempre a partir das 16h se estendendo até as 22h.
Dois palcos serão montados: um na praça Nauro Machado e outro na praça da Casa do Maranhão. Além disso, cortejo de brincadeiras, com os grupos se misturando à multidão e fazendo parte da festa nas ruas da Praia Grande, levarão diversão e descontração aos foliões. “Esse sábado teremos uma prévia da grande festa que será realizada no período de carnaval, um carnaval de dia, familiar, seguro, onde tanto as crianças como os adultos possam ir e se divertir”, ressaltou o Secretário de Cultura, Diego Galdino.
Para a Superintendente de Difusão e Ação Cultural da Secretaria de Cultura, Jô Brandão, ocupar os espaços urbanos durante o carnaval, em especial o centro histórico, resgata não apenas o tradicional carnaval de rua, mas também a alegria e a descontração dos moradores e visitantes. “As pessoas poderão aproveitar bem os espaços durante o dia e até dar aquela paradinha para um almoço ou lanche nos diversos pontos da Praia Grande”, comentou Jô.


Atrações
A banda Bandida abre a programação na Praça Nauro Machado, esquentando o público. Em seguida, o Bloco Organizado Kanto Kente e a banda Não Enxeriza. Os grupos Marabatuk, Bicho Terra e o Bloco Afro Akomabu animam a galera no circuito da Casa do Maranhão. Os tambores de crioula abrilhantam a festa com a apresentação do Tambor de Crioula de Celina e atração a confirmar.

No Canto da Cultura, o grupo folclórico de Nivaldo agita o público. Finalizando a programação do último fim de semana do Pré-Carnaval de Todos Nós, um grande cortejo vai arrastar os foliões do trajeto que sai da Rua Portugal, passa pela Rua da Estrela e retorna pelo Centro de Criatividade Odylo Costa, filho.
Paralelo ao cortejo, o público vai curtir os blocos carnavalescos Os Feras, Os Trapalhões e Os Beatos do Samba. O circuito carnavalesco programado pelo Governo do Estado traz diversão para toda a família e, também, para a criançada. Durante os fins de semana do pré-carnaval, atrações variadas e referenciadas no que há de mais autêntico na cultura maranhense. A programação do Carnaval de Todos Nós é gratuita e marca a ação conjunta entre as gestões municipal e estadual com um período momesco alegre, variado em atrações culturais e seguro para a população.
Programação de Pré-Carnaval
Pr. Nauro Machado
16h - Bandida
17h – Bloco Organizado Kanto Kente
18h – Grupo Não Enxeriza

Casa do Maranhão
16h – Grupo Marabatuk
18h - Bicho Terra
20h – Bloco Afro Akomabu

Faustina
16h – Tambor de Crioula de Celina
18h – atração a confirmar

Canto da Cultura
14h – Show Nivaldo Santos

Cortejo pelas Ruas da Estrela, Portugal e Odylo
16h – Bloco Os Feras
16h30 – Bloco Os Trapalhões
17h30 – Bloco Organizado Os Beatos do Samba

Flávio Dino entrega exploração turística do Maranhão ao Ceará e Piauí ao excluir São Luís da Rota das Emoções

Hildo Rocha critica pacto de Flávio Dino para a “Rota das Emoções”…

Parlamentar diz que a forma como o governador fechou acordo com Ceará e Piauí será prejudicial ao turismo e à economia do Maranhão


Hildo Rocha: "estão vendendo ilusões"
Hildo Rocha: “estão vendendo ilusões”
Em entrevista à Rádio Verdes Mares, de São José de Ribamar, na última quarta-feira, 27, o deputado federal Hildo Rocha (PMDB) afirmou que o governador Flávio Dino (PCdoB) erro ao aceitar que a formatação da Rota das Emoções tenha como porta de entrada o estado do Ceará.
A forma como o acordo foi pactuado não é boa para o Maranhão. O correto seria eleger Barreirinhas como a porta de entrada para a Rota; ou então São Luís. A maior parte do Delta das Américas está no Maranhão. Apenas 10% pertence ao Piauí. Além disso, o modelo exclui a capital do nosso estado em benefício do Ceará. Eles estão vendendo ilusão para os maranhenses. As nossas belezas naturais que Deus nos deu vão servir para beneficiar o Ceará” , argumentou o parlamentar.
O acordo firmado terça-feira (26), entre os governadores Flávio Dino (Maranhão), Camilo Santana (Ceará) e Wellington Dias (Piauí), marca o reinício das ações que tem como objetivo desenvolver o turismo em 14 cidades da Rota das Emoções: Ilha Grande, Parnaíba, Luís Correia e Cajueiro da Praia, no Piauí; Barreirinhas, Paulino Neves, Araioses, Tutóia e Santo Amaro no Maranhão; e Barroquinha, Camocim, Chaval, Cruz e Jijoca de Jericoacoara, no Ceará.
– Podemos observar que eles excluíram todos os municípios do Munim: Morros, Icatu, Presidente Juscelino e Axixá. Humberto de Campos que fazem parte do parque dos lençóis – observou Hildo Rocha.
Segundo o deputado, a capital maranhense também não poderia ter sido excluída do roteiro. Ele advertiu que o governo deve apressar a conclusão do terminal de passageiros do aeroporto de Barreirinhas que foi iniciado pela Roseana Sarney.
– Do jeito que está idealizado, a tendência é que os turistas passem mais tempo nos municípios do Ceará e do Piauí. Atualmente o turista que viaja de avião para os lençóis maranhenses, desce em São Luís, hospeda-se aqui e em seguida viaja para lá, passando de dois a três dias hospedados em uma das cidades daquela região. Da forma acordada pelo Flávio Dino, a cadeia produtiva do turismo maranhense tem pouco a ganhar porque os visitantes irão se hospedar, consumir e demandar serviços em maior escala nos Estados vizinhos que integram a Rota. Os hotéis, as empresas de transporte, os restaurantes, os prestadores de serviços instalados no Maranhão serão prejudicados – alertou Rocha.

Seu vizinho incomoda?

Muitas vezes incomoda sim! (e existem 02 maneiras legais de lidar com isso).

Publicado por Dyego de Freitas

113
Vizinho incomoda
Viver em sociedade está ficando a cada dia mais difícil e, com o aumento desenfreado das cidades, com a construção de edifícios e casas cada dia menores e mais próximas, o atrito entre os vizinhos cresce ainda mais.
Seja um vizinho residencial ou não residencial.
O ideal é que todos os problemas de convivência se resolvam com uma conversa amigável, mas as vezes não é possível e as relações não se estabelecem mais.
Na internet existem centenas de sites e blogs que comentam sobre o assunto, porém, na prática, o que a lei permite que seja feito quando o vizinho extrapola no seu direito?
Vamos lá!
Primeiramente vamos deixar duas coisas claras:
  1. Vizinho não é somente aquele que fica ao lado ou atrás. Abrange toda a vizinhança. Pense assim: se de dentro da sua casa você estiver sendo incomodado, considera-se como vizinho;
  2. Incômodo é toda perturbação à Saúde, Sossego e Segurança provocada pela propriedade vizinha.
Ok. Visto isso, vejamos que existem dois caminhos, que são paralelos e independentes, ou seja, um não exclui o outro e nem o prejudica.
Porém, o primeiro é ruim e ineficaz, mas o segundo é satisfatório e um pouco mais eficiente.
Primeiro Caminho: Direito Penal
  • Aciona-se a Polícia Militar ou a Guarda Municipal, que vai ao local e determina que o incômodo cesse (as vezes somente por alguns minutos).
  • Registra-se posteriormente um boletim de ocorrência na Delegacia (Polícia Civil) para a averiguação da contravenção penal de perturbação de sossego (art. 42 da Lei de Contravenções) ou de perturbação da tranquilidade (art. 65 da mesma Lei)- que são crimes de menor potencial ofensivo.
  • Em tese, para cada vez que o vizinho perturba, um novo boletim de ocorrência deve ser lavrado.
  • Quando a perturbação atingir o nível de causar danos a saúde humana, pode-se aplicar o artigo 54 da Lei de Crimes Ambientais (que é mais rígida, porém de difícil constatação na prática).
Segundo Caminho: Direito Civil
  • Em caso de não haver acordo notifica-se o vizinho que perturba.
  • Propõe-se então ação de dano infecto ou pedido de tutela inibitória baseada no direito de vizinhança do Código Civil (art. 1277 e seguintes - uso anormal da propriedade) e artigo 461 e seguintes do Código de Processo Civil (CPC/73) com pedido liminar para que cesse a perturbação sob pena de multa, ou seja, o juiz determina o pagamento de multa diária em caso de descumprimento. Além do ressarcimento de eventuais danos morais e materiais.
No caso de se tratar de um vizinho não residencial, há ainda um terceiro caminho que se propõe na esfera administrativa, que é acionar a fiscalização do município para averiguar a regularidade do estabelecimento quanto ao alvará de funcionamento ou quanto às regras ambientais, pois muitas vezes a importunação vem do lançamento de resíduos em via pública ou em sua residência, fora o fato de que barulho também configura poluição sonora.
Ok!

Mas porque falamos que o segundo caminho é mais eficaz?

Vejamos!
Por mais que todos tenhamos aquela impressão que o Direito Penal é mais rígido e punitivo, temos que entender que ele se rege pelos princípios da fragmentariedade e da intervenção mínima que, em resumo, dizem que o Direito Penal deve proteger apenas os bens mais importantes (vida, patrimônio etc.) e intervir apenas quando outros ramos do direito não conseguem prevenir a conduta ilícita.
Desta maneira, vemos que o legislador aplicou penas muito brandas para os crimes de perturbação aos direitos de vizinhança, justamente porque a lei civil já tratava do tema e possuía instrumentos mais eficazes (leia-se penalizar em "dinheiro") para prevenir tal conduta.
Nos processos criminais, no fim das contas, o resultado prático será uma espécie de acordo, chamada de transação penal ou, quando este não couber, caso haja condenação, uma pena branda que será convertida em prestação de serviço à comunidade. Fora o tempo que o processo pode tomar.
Já a ação civil pode estabelecer uma multa diária (chamada de astreintes) caso o perturbador não cesse imediatamente a perturbação. Só isso já nos parece mais alentador, mas ainda tem o fato de que os eventuais danos materiais que você tenha com o incômodo (gastos com pintura, isolamento acústico, remédios, limpeza etc.) sejam ressarcidos ao final do processo, bem como os danos morais nos casos extremos de uso anormal da propriedade. Este processo também pode demorar, porém o incômodo já passou, ou, se não passou está condenando o vizinho a pagar diariamente uma multa que será revertida para você no fim do processo, acrescida dos danos materiais e morais que forem comprovados.
Concluímos então que procurando um auxílio jurídico adequado pode-se conseguir muito mais efetividade nas relações envolvendo direito de vizinhança e não ficar com aquela sensação de impotência quando o vizinho incomoda
Dyego de Freitas
Entusiasta do Direito Imobiliário e Arbitral
Advogado. Pós-Graduando em Direito Contratual pela Escola Paulista de Direito - EPD. Pós-Graduando em Direito Imobiliário também pela Escola Paulista de Direito - EPD.

terça-feira, 26 de janeiro de 2016

São Luís é a 21ª dentre as 50 cidades mais violentas do mundo; veja lista

São Luís está entre as 50 cidades mais violentas do mundo; veja lista

ONG faz cálculo com base em dados de taxas de homicídio em 2015.
Entre as cidades brasileiras, a capital maranhense é a sexta mais violenta.

São Luís é uma das 50 cidades mais violentas do mundo (Foto: Biaman Prado/O Estado) 
São Luís é uma das 50 cidades mais violentas do mundo (Foto: Biaman Prado/O Estado)
A capital São Luís está entre as 50 cidades mais violenta do mundo, segundo ranking internacional publicado pela ONG mexicana ‘Conselho Cidadão pela Seguridade Social Pública’. A lista divulgada nesta segunda-feira (25) leva em conta o número de homicídios de 2015. O estudo foi baseado em dados oficiais ou em fontes alternativas como ONGs.

São Luís está em 21º lugar e é a sexta cidade brasileira do ranking com maior taxa de homicídios por 100 mil habitantes em 2015. A taxa média da capital maranhense foi de 53,05 homicídios por 100 mil habitantes. Das 50 cidades presentes na lista, 21 são brasileiras.

Caracas, capital da Venezuela, lidera o ranking geral, com 119,87 homicídios dolosos para cada 100 mil habitantes. Honduras por outro lado conseguiu, depois de quatros anos consecutivos em primeiro lugar da lista com San Pedro Sula, reduzir o número de homicídios.
São Luís registrou 800 homicidios, de acordo com dados oficiais (Foto: Biné Morais / O Estado)São Luís registrou 800 homicidios, de acordo com dados oficiais (Foto: Biné Morais / O Estado)
A lista, divulgada anualmente pelo Conselho Cidadão para a Segurança Pública e a Justiça Penal, leva em conta o número de homicídios por 100 mil habitantes e inclui apenas cidades com 300 mil habitantes ou mais. Foram excluídos países que vivem “conflitos bélicos abertos”, como Síria e Iraque.

AS CIDADES MAIS VIOLENTAS DO MUNDO, SEGUNDO O RANKING
1° - Caracas (Venezuela) - 119.87 homicídios/100 mil habitantes
2° - San Pedro Sula (Honduras) - 111.03
3° - San Salvador (El Salvador) - 108.54
4° - Acapulco (México) - 104.73
5° - Maturín (Venezuela) - 86.45
6° - Distrito Central (Honduras) - 73.51
7° - Valencia (Venezuela) - 72.31
8° - Palmira (Colômbia) - 70.88
9° - Cidade do Cabo (África do Sul) - 65.53
10° - Cali (Colômbia) - 64.27
11° - Ciudad Guayana (Venezuela) - 62.33
12° - Fortaleza (Brasil) - 60.77
13° - Natal (Brasil) - 60.66
14° - Salvador e região metropolitana (Brasil) - 60.63
15° - ST. Louis (Estados Unidos) - 59.23
16° -João Pessoa; conurbação (Brasil) - 58.40
17° - Culiacán (México) - 56.09
18° -Maceió (Brasil) - 55.63
19° - Baltimore (Estados Unidos) - 54.98
20° - Barquisimeto (Venezuela) - 54.96
21° -São Luís (Brasil) - 53.05
22° -Cuiabá (Brasil) - 48.52
23° -Manaus (Brasil) - 47.87
24° - Cumaná (Venezuela) - 47.77
25° - Guatemala (Guatemala) - 47.17
26° -Belém (Brasil) - 45.83
27° -Feira de Santana (Brasil) - 45.50
28° - Detroit (Estados Unidos) - 43.89
29° - Goiânia e Aparecida de Goiânia (Brasil) - 43.38
30° -Teresina (Brasil) - 42.64
31° - Vitória (Brasil) - 41.99
32° - Nova Orleans (Estados Unidos) - 41.44
33° - Kingston (Jamaica) - 41.14
34° - Gran Barcelona (Venezuela) - 40.08
35° - Tijuana (México) - 39.09
36° - Vitória da Conquista (Brasil) - 38.46
37° -Recife (Brasil) - 38.12
38° -Aracaju (Brasil) - 37.70
39° -Campos dos Goytacazes (Brasil) - 36.16
40° -Campina Grande (Brasil) - 36.04
41° - Durban (África do Sul) - 35.93
42° - Nelson Mandela Bay (África do Sul) - 35.85
43° -Porto Alegre (Brasil) - 34.73
44° - Curitiba (Brasil) - 34.71
45° - Pereira (Colômbia) - 32.58
46° - Victoria (México) - 30.50
47° - Johanesburgo (África do Sul) - 30.31
48° - Macapá (Brasil) - 30.25
49° - Maracaibo (Venezuela) - 28.85
50° - Obregón (México) - 28.29

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Cartunista maranhense é premiado pela Organização das Nações Unidas, nos EUA


Raimundo Rucke é natural de Coelho Neto, mas mora no município paulista de Itu há 18 anos; ele recebeu reconhecimento da ONU

Cartunista Rucke e o seu trabalho premiado
Cartunista Rucke e o seu trabalho premiado (Foto: Reprodução/Melkvideo)
O cartunista maranhense Raimundo Rucke ficou em segundo lugar no The United Nations/Ranan Lurie Political Cartoon Awards, premiação organizada pela Organização das Nações Unidas (ONU), por meio da Associação de Correspondentes Internacionais (UNCA), para homenagear cartuns políticos produzidos em todo o mundo. Natural de Coelho Neto (MA), Rucke mora no município paulista de Itu e já recebeu diversas premiações por seu trabalho.
“Para minha surpresa e alegria, fui um dos premiados da edição de 2015 do The United Nations/Ranan Lurie Political Cartoon Awards, com um trabalho publicado em setembro no jornal o Dia, do Piauí”, disse ele a uma publicação ituense.
O júri do prêmio foi composto por pessoas influentes, como o ex-secretário-geral da ONU Kofi Annan, os ganhadores do prêmios Nobel da Paz Mikhail Gorbachev e Oscar Arias Sanchez, e o ator Jeff Bridges, conhecido também por sua luta em favor de causas sociais. A cerimônia de entrega ainda não tem data definida.
Raimundo Rucke receberá 5 mil dólares por um trabalho que mostra um cachorro indo buscar um jornal para o seu dono, mas voltando em seguida bastante assustado com o que viu. “Numa situação normal, o cachorrinho pegaria o jornal e levaria para o dono. Mas este parou diante do jornal e viu uma notícia ou uma imagem muito chocante e voltou muito assustado. O que ele viu fica apenas sugerido, mas com os acontecimentos que abalaram o mundo em 2015 não fica difícil imaginar que notícia trazia o jornal”, explica o cartunista.

sábado, 23 de janeiro de 2016

UFMA apresenta a maior concorrência do país na edição 2016 do Sisu


De acordo com dados divulgados pelo Ministério da Educação (MEC), mais de 135 mil candidatos se inscreveram para cursos na instituição

Concorrência na UFMA é de 56,3 candidatos por vaga ofertada
Concorrência na UFMA é de 56,3 candidatos por vaga ofertada (Foto: Arquivo/ Flora Dolores)
SÃO LUÍS - A Universidade Federal do Maranhão (UFMA) é a mais concorrida, com média geral de 56,3 candidatos por vaga, na edição 2016 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) foi a mais procurada pelos candidatos, com 195.634 inscrições.
Conforme Edital nº 365, de 30 de dezembro de 2015, a UFMA oferece acesso,por meio do Sisu, a 60 cursos distintos (sendo 48 ofertados no Campus Universitário Dom Delgado ou Campus do Bacanga) e outros 12 oferecidos em campi do interior (sendo 6 em Imperatriz, 3 em Chapadinha, 2 em Pinheiro e 1 em Bacabal).
Das 2.413 vagas oferecidas pela UFMA - considerando a ampla concorrência e o sistema de cotas - , 1.907 foram abertas na capital maranhense e outras 506 no interior do estado. De acordo com dados divulgados pelo Ministério da Educação (MEC), mais de 135 mil candidatos se inscreveram para cursos na instituição.
Brasil
Houve uma sutil queda no número de inscrições registradas no Sisu neste ano no país, em relação a 2015 - de 5,4 milhões para 5,2 milhões -, um possível efeito do fato de os chamados "treineiros" (estudantes que ainda não concluíram o Ensino Médio) não poderem se inscrever para vagas de ensino superior - uma medida inédita desde a implementação do sistema.

Mulheres predominaram as inscrições (57,1%), assim como os jovens: 62,6% dos inscritos têm até 22 anos. "Isso mostra uma concentração de alunos recém saídos do ensino médio, o que é importante", destacou Mercadante.

A Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) foi a mais procurada (195.634 inscrições). Administração, Pedagogia e Direito foram os cursos com maior número de interessados. A maior nota de corte foi a do curso de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ): 824,74 pela ampla concorrência e 801,19 pelas cotas.

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Maranhense se torna o jogador mais caro do mundo após transferência na China

MUITO DINHEIRO!
  •  
  •  
Elkeson, que nasceu em Coelho Neto, foi comprado por R$ 83 milhões e trocou o Guangzhou Evergrande pelo Shanghai

Maranhense se torna o jogador mais caro do mundo após transferência na China
Elkeson começou a carreira no Vitória (BA) e teve passagens pelo Botafogo e Seleção Brasileira (Foto: Divulgação / site oficial do Guangzhou Evergrande )
SÃO LUÍS - Um maranhense, nascido em Coelho Neto (385 km de São Luís), é, até o momento, o jogador mais caro do mundo da atual janela de transferências. Segundo reportagem publicada pelo canal SporTV, o ex-botafoguense Elkeson é a transferência mais cara do futebol mundial após ter trocado de clube na China. O meia foi negociado pelo Guangzhou Evergrande para o Shanghai SIPG pelo valor de R$ 83 milhões.
Elkeson de Oliveira Cardoso tem 26 anos e começou sua carreira nas tradicionais categorias de base do Vitória, da Bahia. Após se destacar pelo Botafogo (RJ), fase essa que o levou para a Seleção Brasileira, o maranhense se transferiu para o futebol chinês por 5,7 milhões de euros (cerca de R$ 15,6 milhões), em 2012. Ele deixou o Evergrande como maior artilheiro da história do clube, com 77 gols em 111 jogos. Foi também duas vezes campeão da Liga dos Campeões da Ásia e ainda levou três Campeonatos Chineses.
Ranking dos cinco jogadores mais caros da atual janela de transferências (Foto: Reprodução/ site Transfermarkt)
Com essas cifras milionárias, o Vitória, clube formador do craque levará cerca de R$ 3 milhões e o Botafogo R$ 760 mil. Além do maranhense, Gerson, ex-Fluminense, é o segundo mais caro e foi vendido pelo valor de R$ 72 milhões. Ele deixou a equipe carioca para jogar na Roma, da Itália.
Dois ingleses ocupam a terceira e quarta posição, respectivamente: Shelvey, volante que deixou o Swansea para o Newcastle, na Inglaterra, e Afobe, que saiu do Wolverhampton Wanderers para o Bournemouth, também da Inglaterra.
O ranking, que é pautado nas informações do site Transfermarkt, ainda pode mudar, já que a janela europeia se estende até o dia 31 de janeiro, e a chinesa vai até 26 de fevereiro.

ITAQUI FECHA PARCERIA ESTRATÉGICA COM PORTO SECO DE ANÁPOLIS




Presidente da Emap, Ted Lago, com representantes do Porto Seco
Centro-Oeste durante reunião para firmar parceria. Foto: Divulgação


O início das operações da Ferrovia Norte-Sul em Anápolis atraiu o interesse dos representantes do Porto Seco Centro-Oeste (Anápolis) para a formação de um corredor logístico entre os estados de Goiás e do Maranhão. Nesta semana, a direção do Porto Seco Centro-Oeste e da empresa Claex (Centro Logístico de Apoio à Exportação), com sede em Goiânia, visitou a Empresa Maranhense de Administração Portuária (Emap), para uma reunião comercial.

A integração do Porto do Itaqui com o Porto Seco de Anápolis é estratégica para o estado porque possibilita que a carga que sai da Região Centro-Oeste – que hoje é escoada pelos portos do Sul e do Sudeste – passe a ser escoada pelo Maranhão. “Estamos iniciando um trabalho conjunto de preparação de infraestrutura e vamos realizar alguns investimentos, ainda neste ano, como o pátio de contêineres, inclusive contêineres refrigerados”, afirmou o presidente da Empresa Maranhense de Administração Portuária, Ted Lago.

Para o diretor da Claex, Jorge Luis Soares, a formação de um corredor logístico entre Goiás e Maranhão, usando o Porto Seco de Anápolis e o Porto do Itaqui, trará benefícios para os dois estados. “Nossa intenção é usar o Itaqui como um hub, não só para cargas de cabotagem, mas também para cargas de longo curso. Pretendemos iniciar nossas operações ainda no primeiro semestre deste ano e consolidar essa grande parceria”, disse.

Uma parceria que também possibilitará a inclusão do Maranhão no Consórcio Brasil Central, o que deve tornar o Itaqui o porto preferencial dessa região e, ainda, levar mercadorias produzidas no Maranhão para o centro-oeste do Brasil. O consórcio reúne diversos estados da Região Centro-Norte e Distrito Federal.

“Estamos seguindo orientação do governador Flávio Dino, fazendo os investimentos necessários para que o Itaqui, além de canal de exportação de grãos e de importação de granéis líquidos, seja também porto preferencial para outras cargas, principalmente em contêiner”, completou o presidente da Emap.

Outro aspecto importante dessa parceria é a conexão para o transporte de mercadorias da zona franca de Manaus. Atualmente a carga que passa pelo Porto Seco segue por balsa ou rodovia, em viagens que podem durar até 15 dias. Agora essa carga poderá chegar ao Porto do Itaqui pela ferrovia, reduzindo o tempo de deslocamento pela metade, aproximadamente oito dias.

SECOM
http://www.ma.gov.br/itaqui-fecha-pa...o-de-anapolis/
__________________
SÃO LUÍS DO MARANHÃO

  Reply With Quote